Salmo  81 – Entregues aos desejos dos seus corações

Quem segue os ídolos, ou seja, a avareza do coração, come o fruto da mentira, mas quem invoca ao Senhor terá em seus lábios o fruto criado por Deus: paz, paz, para judeus e gentios, e será sarado por Deus. Quando Efraim declarar que não tem relação com os ídolos, ou seja, não segue mais o seu coração maligno, achará o fruto que procede de Deus!

Leia mais

O derramar do espírito cumpriu-se no Pentecostes?

A citação que o apóstolo Pedro fez da profecia de Joel 2, versos 28 a 32, conforme registo de Lucas em Atos 2, versos 17 a 21, não teve o condão de explicar ou justificar a experiência vivida pelos discípulos, e sim, explicar à multidão de judeus e prosélitos, pasma e maravilhada, o motivo pelo qual cada um deles ouviram em seus idiomas nativos falarem das grandezas de Deus.

Leia mais

A justiça do reino de Deus

Quando evidenciou a impossibilidade dos ouvintes do Sermão da Montanha obterem justiça superior à dos escribas e fariseus fazendo o que faziam, ou até mesmo se propusessem cumprir o espírito inatingível da lei, Jesus apresentou uma alternativa: ‘Entrai pela porta estreita.’ (Mateus 7:13), pois é na porta estreita que se alcança justiça superior.

Leia mais